Torniquetes, também conhecidos como catracas de corpo inteiro, fornecem um altos nível de segurança. Mas, por que a maioria ambientes de alta segurança os usa afinal? Aqui estão os recursos de segurança mais importantes que você obtém com torniquetes

1. Barreira Completa

Os torniquetes atuam como barreiras totais. Por exemplo, compare-os com as tradicionais catracas. Uma pessoa poderia simplesmente pular por cima de uma catraca ou rastejar por baixo dela.

Torniquetes não têm essa “falha”. Isso porque eles geralmente cobrem toda a largura e altura do ponto de entrada. Na maioria das vezes, os torniquetes têm cerca de 2.5 metros de altura.

Além disso, você pode instalar torniquetes em ambientes externos e elas terão a mesma utilidade. Alguns modelos externos vêm com um teto de metal. O telhado protegerá os componentes eletrônicos e evitará que as pessoas subam por cima deles. Portanto, a única coisa que você precisa fazer é proteger a área lateral com uma cerca.

2. Construção robusta em metal

Os torniquetes são portões de metal duráveis. Na maioria dos casos, eles são feitos de ferro, alumínio ou aço inoxidável. Portanto, seria difícil danificá-los com força física. Além disso, eles são resistentes a climas adversos. Porém, alguns modelos são destinados apenas para uso interno.

Além disso, as hastes de metal giratórias tornam difícil que duas pessoas fiquem perto uma da outra, muito menos entrem juntas. Esse recurso de design limita a entrada a apenas uma pessoa por vez e evita a utilização não autorizada.

3. Mecanismo de bloqueio

Os torniquetes podem vir com mais de um mecanismo de travamento. Um deles evita múltiplas entradas bloqueando instantaneamente as hastes de metal após uma única passagem. O outro é eficaz em caso de bloqueio de segurança.

Por exemplo, se uma pessoa não autorizada entrar em uma área restrita, o portão pode ser trancado para impedir a saída. Portanto, o sistema de bloqueio pode desativar a entrada e saída até que o problema de segurança seja resolvido.

Por esse motivo, torniquetes são comuns em cadeias e prisões. Eles podem não apenas limitar a entrada, mas também impedir que as pessoas saiam do prédio.

Em caso de emergência, o mecanismo de bloqueio pode ser desativado para permitir a passagem livre.

4. Controle de Velocidade

Controlar a velocidade com que as pessoas passam pelo portão é um importante recurso de segurança. Os torniquetes permitem definir a velocidade dos braços rotativos de metal.

Se quiser monitorar de perto cada entrada, você pode diminuir a velocidade dos braços rotativos. Mas, caso você queira acelerar o tráfego e ainda limitar a entrada a uma pessoa por vez, pode aumentar a velocidade.

5. Dispositivos para controle de acesso

Torniquetes geralmente vêm equipados com dispositivos de controle de acesso. Leitores RFID, leitores de código de barras ou de impressão digital estão entre os mais populares. Eles limitam o acesso apenas a pessoas com autorização adequada.

Portanto, os dispositivos de controle de acesso eliminam a necessidade de um segurança. Eles usam software e bancos de dados para filtrar pessoas autorizadas daquelas que não são.

Dependendo do nível de segurança, você pode instalar catracas com diferentes dispositivos de controle de acesso. Por exemplo, scanners de identificação podem ser menos seguros do que scanners de rosto ou impressão digital.

%d blogueiros gostam disto: